This site uses cookies. To browse the site you are consenting to their use. Learn more about cookies. close

Portefólio

Lisboa

Quinta de Pancas
A Quinta de Pancas está localizada a 45 km a noroeste da cidade de Lisboa, na freguesia de Santo Estevão e Triana, no chamado “Alto Concelho de Alenquer” junto ao lugar de Pancas.
As terras de Alenquer estendem se entre a Serra de Montejunto e a lezíria da margem direita do rio Tejo, desdobrando se numa paisagem de montanhas, montes, vales e planícies.
A propriedade tem cerca de 50 hectares de vinha . Atualmente as variedades tintas são: Cabernet Sauvignon, Touriga Nacional , Syrah , Merlot, Castelão , Alicante Bouschet, Tinta Roriz, Touriga Franca, Petit Verdot e Malbec. Quanto às castas brancas temos na propriedade: Arinto, Chardonnay e Vital.
Ver Produtor
Quinta do Monte d’Oiro
Localizada em Alenquer, a Quinta do Monte D'Oiro é conhecida desde o séc. XVII como um local privilegiado para a produção de grandes vinhos. O objectivo do produtor José Bento dos Santos, conhecido comunicador e divulgador de gastronomia e vinhos, é a elaboração de vinhos de alta qualidade de estilo europeu, respeitando o terroir existente – uma combinação única de solos e clima. Na vinha do Monte D'Oiro estão plantadas as castas Syrah, Touriga Nacional, Tinta Roriz, Petit Verdot e Viognier, com as quais o produtor tem elaborado alguns dos vinhos mais aplaudidos em Portugal e no mundo.
Ver Produtor
Quinta de S. Sebastião
A Quinta de S. Sebastião apresenta um terroir ideal que garante a qualidade das mais variadas castas e se, aos factores naturais, juntar-mos o carinho e o respeito no cuidado que lhes damos, obtemos os frutos perfeitos que abrem as portas à criação de vinhos exclusivos, servindo os mais exigente e rigorosos critérios de selecção. Por isso, para os nossos tintos, as escolhas da fruta recaíram sobre um conjunto de castas nacionais e estrangeiras, as tintas francesas Syrah e Merlot e as portuguesas Touriga Nacional e Tinta Roriz (aragonês). Nas brancas a opção foi para as variedades nacionais Arinto e Cercial. Embora em 2007 a primeira vindima não tenha respondido às exigências, já em 2008 o resultado foi o renascer de vinhos com uma forte identidade.
Ver Produtor
Imagem Principal 1
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo
Catalogo